Sobe rendimento de quem está empregado no país

O rendimento médio real habitual dos indivíduos empregados, de R$ 1.323,30, subiu 0,5% na comparação mensal e 3,4% no ano.

A pesquisa foi feita pelo IBGE nas seis maiores metrópoles brasileiras: Belo Horizonte, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo.

No ano, todas as seis regiões registraram altas. A massa de rendimento real efetivo dos ocupados, R$ 28,2 bilhões, cresceu 0,9% em comparação a maio último. Já o rendimento domiciliar per capita ficou estável em relação a junho e teve alta de 2,5% comparado a julho do ano passado.

Advertisements

Mais Brasil no Twitter

Categorias

Fotos Flickr


%d bloggers like this: